quarta-feira, 24 de junho de 2009

Duvidas

Tenho um texto longo,nao é bem uma poesia,pode se dizer que é mais um pensamento , portanto esse texto é extremamante viceral , explicito,no sentido de ficar claro que me digiro a uma pessoa especifica, sei que esta pessoa lendo ela vai saber que estou falando com ela.
A questão que fica é que essa pessoa não tem tamanha importancia assim,ja pensei em fazer ela acreditar que sim, mas nao consigo ser,falsa,cinica, mascarada,não dá.
Mas o texto é bom, pelo menos eu acredito nele, soa examante como um monologo o que não é inedito me referindo a essa pessoa.
Pensando melhor creio que no contexto do livro(se eu nao desistir no meio do caminho) esse texto vai ficar melhor colocado.
Tem coisas que não precisamos falar outras parecem que precisamos de um megafone, este texto se encaixa nesta situação,não ficara adequado a este blog, ele se encaixa melhor de forma mais concreta,tem bem o tom que em deterinado momento muda o rumo dos personagens do livro.
Quem leu o texto ESPERANDO, e tem pelo menos um tico e um teco na cabeça vê claramente que há alguem com quem tenho algo bem tempestuoso nesse trilho de trem.
Sim melhor deixa as coisas como estao nem fugir nem tentar pois estamos indo de volta pra casa.
Vou deixa-los na curiosidade depois que revelar todo o chat pelo meu prisma , vou dividir com todos esse pretencioso livro e la estara esse infame texto.
Abraço a todos amo vocês