quinta-feira, 2 de maio de 2013

Quando tudo muda


Quando as  coisas mudam sem aviso na nossa  vida e tudo vira de ponta  cabeça, deixando um rastro de  desamparo em tudo  o que tinhamos de mais imutável, transforma em agonia o que já havíamos superado.

Outro obstaculo, outra barreira  a superar, não encontro consolo no que antes era apenas  fato.

Injusto, cruel e  terrivelmente  ironico me faz perder o chão, fico sem rumo, perdida não há outra direção, voltar ao antes, não é possível, permanecer é incerto e ir  adiante é pleno desconhecido ,estou tentando absorver o que esta  acontendo, porem é totalmente desequilibrada essa  balança, não são os  mesmos paramentros,  fico em profunda e cruel desvantagem, parece piada sem graça.

Não consigo  compreender  essas ciladas que me cercam e parecem um  abismo  sem  fim, não  há  nada  adiante somente perdas, desconsolos frustração.

Nem sei mais o que  dizer,estou  completamente  arrasada, arrebentada,pois já havia aceitado e superado todas  as aguras, que  retornam e me correm perdi novamente  minha identidade, estou  presa nesse  limbo, de incertezas e de inseguranças, me  fazem  questionar tudo o que  tive  que me  adaptar, e  agora quem eu sou, o que  eu sou, pra onde  eu vou, como eu vou?

Armadilha mesquinha hipócrita e sem noção essa  tal de  vida me  faz  de palhaça  de  novo.