quinta-feira, 13 de novembro de 2014

Tristeza

E se de repente chega a tristeza? A certeza do incerto, nada mais me acalma, meu peito doí coração quer fugir, não sei, achei que estaria bem, mesmo assim, as lágrimas não rolam, fica o engasgo na garganta e a ausência se faz temporária, minhas noites insones, me deixam tão cansada dessa falta de estar apenas seguindo, sem medo agora por partir